Arquivo de Fevereiro, 2009

As Bodas de Deus

As Bodas de Deus, um filme de João César Monteiro

YouTube Preview Image

Sinopse:
Tudo parece perdido. É então que num velho parque solitário e gelado, duas sombras se encontram: a de Deus e a de um Enviado de Deus. Um mendigo recebe dele uma mala cheia de dinheiro. Missão comprida. Uma jovem está prestes a afogar-se. João a salva e a leva para um convento de freiras. Após ficar rico com o dinheiro da mala, começa a empregar seus esforços em ajudar ao convento e na jovem salva por ele?

Porto da Minha Infância

Porto da Minha Infância, um filme de Manoel de Oliveira

YouTube Preview Image

Sinopse:
“PORTO DA MINHA INFÂNCIA é um documentário que o Produtor Paulo Branco me convidou para fazer sobre a cidade do Porto, para a PORTO 2001 CAPITAL EUROPEIA DA CULTURA.
Um documentário sobre o PORTO em 2001 era impossível agora,

Inquietude

Inquietude, um filme de Manoel de Oliveira

YouTube Preview Image

Sinopse:
São homens famosos, cobertos de honrarias, incensados por todos… mas velhos, muito velhos. E então, para que o filho escape à decrepitude e à decadência, que já não tardam, o pai incita-o a suicidar-se. O que não vai ser fácil…
Quando o pano cai sobre esta nota trágica, estamos nos anos 30, no Porto, onde Susy, uma cocotte, está à beira da morte numa mesa de operações, e resume assim a sua vida: “Tudo isto não é senão um detalhe”.

Entre os Dedos, representa Portugal no México e na Colômbia

O filme “Entre os Dedos”, de Tiago Guedes e Frederico Serra, foi seleccionado para o Festival Internacional de Cartagena das Índias (Colômbia), a ocorrer de 27 de Fevereiro a 7 de Março; e para o Festival Internacional de Cinema de Guadalajara (México), onde concorre na secção Europa Novas Tendências, de 19 a 27 de Março.

O filme foi recentemente galardoado com o Prémio Ciputi para Melhor Filme, no Festival Internacional de Turim (Itália). “Entre os Dedos” passou ainda pela Mostra de Cinema de São Paulo, na secção Novos Realizadores; e pelo Festival Internacional de San Sebastian – Selecção Oficial.

O filme “Um Amor de Perdição” foi seleccionado para 2 Festivais de Cinema

Depois de competir no Festival Internacional de Locarno (Suíça), o filme de Mário Barroso “Um Amor de Perdição” volta à competição em 2 festivais de cinema.
Entre 6 e 14 de Março decorre o Festival Internacional de Cine de Las Palmas de Gran Canárias, onde o filme integra a Selecção Oficial. De seguida parte para o Buenos Aires Festival Internacional de Cine Independiente, que decorre entre 25 de Março a 5 de Abril.

Está previsto “Um Amor de Perdição” estrear nas salas de cinema nacionais a 23 de Abril.

 

João Ratão

João Ratão, um filme de Jorge Brum do Canto

YouTube Preview Image

Sinopse:
A partir de uma opereta, a história amorosa dum soldado português, João Ratão (Óscar de Lemos), que regressa da frente de batalha na Flandres, sendo envolvido em intrigas motivadas pela inveja.
Quanto a Vitória (Maria Domingas), uma rapariga do povo que namorara através de cartas escritas por outros…
Evocação do patético cenário da guerra (1914-18), e a faina dos madeireiros, no deslumbrante Vale do Vouga.

Maria Papoila

Maria Papoila, um filme de Leitão de Barros

YouTube Preview Image

Sinopse:
Maria Papoila (Mirita Casimiro), uma rapariga humilde e de bom coração, vem servir para Lisboa. Aqui conhece Eduardo (Eduardo Fernandes), um recruta por quem se apaixona e que julga ser da sua condição social. Namoram até descobrir que afinal Eduardo não só é um rapaz rico como também tem namoro com uma rapariga da sua classe, Margarida Noronha Baptista (Maria Cristina).

Tudo Isto é Fado

Tudo Isto é Fado, um filme de Luís Galvão Telles

Sinopse:
Felizmente “o crime é a única profissão democrática, todos o podem praticar”.
Amadeu e Leonardo são dois marginais que ao som do samba e do fado, entre o Rio de Janeiro e Lisboa, lutam contra o destino que os condenou a uma vida de pequenos malandros – até se lhes atravessar no caminho, de revólver em punho, uma mulher bela e fatal, que os conduzirá até Reis, um escritor de livros policiais de quem se diz que comete os crimes sobre que escreve. Recrutados os cúmplices, fixado o objectivo (o roubo de um quadro verdadeiro de uma exposição de arte falsa), só falta escolher a data.

Página 1 de 3123