Tráfico

Tráfico, um filme de João Botelho

Sinopse:
Tudo começa quando uma família normal e friorenta, obrigada a passar férias fora de época por dificuldades económicas, é bafejada pela sorte.
Jesus, assim se chama o filho do casal, encontra enterrado na areia da praia deserta, um tesouro escondido e proibido: a riqueza da Terra.
No mesmo dia e não longe dali dois padres decidem fechar as portas da sua igreja por falta de crentes e fazem um leilão de imagens dos seus queridos Santos. Entre a riqueza dos céus e o espírito da matéria partem à aventura.
Um banqueiro com alucinações auditivas quando fala do seu dinheiro e as respostas de um ministro com alucinações visuais quando trata de influências. Uma mulher elegante, suave e misteriosa, com uma bela cabeleira falsa e esplêndidas cores, incendeia tudo por onde passa. Um general à volta com traficâncias de armas e a sua pequena mulher à volta com artes, Olimpos e cabelos disparatados. E muitas mais aventuras.
Como os ricos verdadeiros e antigos se divertem, como os ricos novos ou falsos encontram dificuldades e como tudo acaba em bem.
“Sejamos facciosos para reparar as injustiças do mundo”.

Ficha Técnica:
Realização: João Botelho
Argumento: João Botelho
Produtor: Paulo Branco
Ano: 1998
Género: Comédia
Duração: 112’

Elenco:
Joaquim Oliveira (Jesus)
Rita Blanco (Mãe de Jesus)
Adriano Luz (Hélio, pai de Jesus)
Branca de Camargo (Ruiva)
João Perry (Banqueiro)
Alexandra Lencastre (Amante do banqueiro)
Maria Emília Correia (Dona Amélia)
Canto e Castro (Padre Hipólito)
Paulo Bragança (Padre Lino)
Mário Jacques (General Rezende)
Maria João Luís (Suzette Almeida)
Dalila Carmo (Empregado de Suzette)
São José Lapa (A Actriz Clara d’Aveiro)
André Gomes (Ministro)
Isabel de Castro (Casca em “Júlio César” e Senhora da Linha)
Laura Soveral (Cássio em “Júlio César” e Senhora da Linha)
Suzana Borges (Cícero em “Júlio César”)
Nuno Melo (Gigolo)
Io Apolloni (Dona do cabeleireiro)
Rosa Lobato Faria (Condessa Furgel)
Rogério Vieira (Comendador)
Sofia Leite (Decoradora)

Nomeações:
Festival de Veneza, Itália (1998) – Leão de Ouro
Festival de Cinema de Toronto, Canadá (1998) – Selecção Oficial
Festival de Huelva, Espanha (2002) – Selecção Oficial

Outros festivais em que participou:
Festival de Cinema de Portugal – Providence
Festival de Cinema de Hamburgo, Alemanha (1998)
Festival de cinema de Neighbours, Israel (1998)
Mostra Internacional de Cinema São Paulo, Brasil (1998)
Cinema Jovem Valência, Espanha (1999)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Arquivado em: Filmes

Coloque um Comentário



Pode criar uma imagem para mostrar com o seu comentário Gravatar.